"Cabeça levantada, sorriso no rosto e enfrentar a vida com todo o carinho."

"Certas memórias menos boas acabarão, com a ajuda de Deus, por se irem desvanecendo... faça por não pôr nelas o seu pensamento e começarão aos poucos a ser mais suaves.
"

31/03/2011

Na intensidade de alma, no calor dos meus passos, nas histórias vividas.

Nós temos a chave da vida, à que pode mudar alguma coisa.
Mas ainda assim, tem o destino que canta alto o coração.
Se sonhos são profusões de um tempo, eu queria ter asas para voar.
E pegar um por um, resgatar toda história tão, imensamente, sonhada.
Com força e força, caminho em caminho.
Sentimentos tomam conta da alma do ser vivente.
Eu não sei se são frutos, nem cantigas!? 
Tão pouco sei se meu caminho é certo.
Apenas sigo, Pai.
Procuro o caminho das estrelas.
Na intensidade de alma, no calor dos meus passos, nas histórias vividas.
Ninguém pode ceifar sonhos.
Nem mesmo sua história de vida pode imaginar viver sem tê-los.
Por isso, lute e cante a Deus!
 Suplique, mas peça.
Um dia, a porta abre.
Sopre aos quatro ventos a sua canção menina!
A minha, é um canto cantado, vivo, puro somado à intensidade de minha alma.

Com gratidão, Mari.

30/03/2011

Sonhos que povoam!

                                              

Meu cenário de vida sobrevoa meus sonhos.
Palavras se misturam no meu peito.
Sentimentos de um futuro bom são tolhidos.
Pelo meu destino, quiçá!? 
Eu que sonhava tanto.
Nossa, meus sonhos eram quase todos coloridos.
Acredito que esse sentimento é necessário à vida.
Àquele que te faz viver.
E não sou mais quem queria ser, apenas trago em mim lembranças de um doce tempo.
Em que a linha da vida, tão somente, circundava o tempo.
E ainda fazia brilhar alguma boa lembrança.

Com gratidão,

Mari.

27/03/2011

Para prosseguir, sem olhar para trás!


Sim, você sempre se tornará responsável pelo que cativa.
Se gerar amor, este vem de algum modo à sua vida.
Se gerar dor, ela um dia cobrará.
Por vezes, necessito repassar meu passos e dar um novo rumo.
Outras vezes, a ventania me conduz.
No fim em si mesmo, vou além e aquém do que esperava.
Por isso, aprendi, que temos que eliminar problemas, pensar na soluções de um novo tempo.
É exatamente, isso, que temos em nossas mãos: a capacidade de renascer.
A vida sempre será uma melodia, uma cantiga de roda.
 Basta apenas que nos fixemos às notas musicais perfeitas.
Para prosseguir, sem olhar para trás.
Somos responsáveis pela história de nossas vidas, razão pela qual precisamos lutar.
Mas que jamais domine a alma.
Por isso, se for preciso eliminar atitudes ou padrões, estes têm que sair para dar lugar ao novo. 
Que traz alegria e vida plena.

Estou retirando um espinho na carne para viver a vida mais feliz.
E o que tiver que ser, será!
Enquanto isso, escolhi a melhor parte.
Viver!

Mari. 

26/03/2011

Sonho-viajante em essência.

Achei ao acaso, tentando achar uma foto...

Mundinho meu

Aqui, bem, aqui, no meu mundinho, páro e penso neste lindo e belo momento.
Que outrora se passava em meus sonhos distantes e destemidos. 
Sonhos que voam, povoam e voltam a voar.
 Voar num lindo e belo dia de primavera, com vento forte. 
É esse o sentido do sonho-viajante em essência- mas que sempre volta ao seu ponto de origem.
Contudo, concretizado.

Maristella 

21.09.2004.

21/03/2011

A paz!

A paz é o sentimento humano mais cristalino.
Saboreia das virtudes boas o fruto da vida.
Nem sempre vem por um canto calado, por vezes é preciso lutar.
Eu não sei, acredito que sejam os mistérios de Deus.
Tal como àquela lua que demora o seu tempo de percurso.
Um mistério, um somatório de luz.
Talvez, a paz seja a coisa mais importante da vida.
É uma melodia.
Por vezes, seu ponto de circunferência se distancia.
Como manter a paz diante das emoções vividas?
Dos horizontes apertados.
Dos limites sentidos.
Eu não sei..
Apenas canto meu silêncio.
De ser apenas eu mesma.

Mari.

13/03/2011

Temos o que podemos suportar!

O silêncio do meu tempo faz uma melodia.
Sei que sente a canção.
É menina, sim!
E pensar, que outrora, no tempo do passado distante, eu pensava que tudo iria ser diferente.
Me perdoe, não estou feliz e nem tenho a ilusão de ser a pessoa mais feliz do mundo, porque eu sei que tudo é difícil. Tenho uma pequena amostra grátis.
Mas tudo bem, Deus, obrigada!
Eu deveria deixar de fazer as orações, somente para não contaminar os meus sonhos!? Ou para mostrar para meu visitante, que tudo é perfeito....
Não, obviamente, não....nem teria qualquer chance amiga de ser chamada sua filha!


..................
Vamos lá!? 
Vamos crer que um dia, tudo poderá ser azul e amarelo.
Hoje, está cinza, mas quem sabe, amanhã, tudo não mude!?
Muito grata Deus, obrigada demais por todas as dificuldades!
Porque sei que temos o que podemos suportar!
Vamos ser gratos! Agradecer!

Com gratidão, Mari.

08/03/2011

Eu amo!

Eu amo.
E te amo!
E se esse amor é calado, certamente é semeado no vento.
Quando o amor é vivo, ele desce como um rio límpido.
São sempre rios que se encontram.
E se encaixam num todo feliz!
Amar amando, amar calado.
Amar e semear.
Amar sonhando.
Amar + sorrindo.
O ideal, sempre, será  amar e ser amado.
Ainda assim, sentir o amor é o motivo que deve nos guiar.
Tal como as flores, rosas coloridas. 
Intactas a nos guiar.
Assim, é meu amor pela Virgem Maria!


Com muito amor, Mari!


01/03/2011

São os sopros de Deus.


Existe uma porta muito tênue.
Mas eu coloco minha esperança num futuro melhor!
Porque Deus nos quer felizes.
Sonhar, viver, amar.
Devemos fazer a nossa vida brilhar.
Por vezes, me perco...
Eu caio tanto e levanto...
E isso é tão divino, saber que tenho suas mãos nas minhas.
Elas me conduzem.
E me orientam....de alguma forma.
 Por muitas vezes, não me sinto dona de mim.
São momentos em que a viagem, no tempo da vida, pára, por alguns segundos.
Quem entenderá?! 
:))
Nem eu que sou dona da história, compreendo.
Trata-se da dimensão divina.
São os sopros de Deus.
Com amor, Mari!